Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Técnicos > Segurança do Trabalho (subsequente)
Início do conteúdo da página
  • Slides Técnico em Segurança

Técnico em Segurança do Trabalho - Subsequente

image19O profissional formado no IFSULDEMINAS, Câmpus Machado estará apto a atuar nos mais diversos segmentos, como as áreas formais: indústrias em qualquer setor (metalurgia, transformação, alimentos, construção, mobiliário, comércio, varejo, mineração, agroindústria e pecuária, etc.); e nos informais na prestação de serviços (assessoria), sendo capaz de eliminar e/ou minimizar as causas que levam os colaboradores das empresas aos acidentes e doenças do trabalho.

Com o aumento dos postos de trabalho e também o número de empresas passíveis, obrigatoriamente, da contratação do técnico em segurança do trabalho, abre se cada vez mais o mercado de trabalho para este profissional. O curso oferecido pelo IFSULDEMINAS - Campus Machado possui dois diferenciais: primeiro seria a formação dos professores, pois são todos engenheiros de segurança do trabalho ou higienistas ocupacionais, e também possuem títulos de mestrado e/ou doutorado, além de grande experiência profissional em empresas de médio e grande porte nacionais e multinacionais. Segundo ponto importante é o laboratório de segurança do trabalho, que possui diversos equipamentos, sendo eles de proteção (EPI´s), de medição, resgate, primeiros socorros, de trabalhos em altura, espaços confinados, prevenção e combate a incêndios, entre outros.

O curso é presencial, noturno, e possui duração de 2 anos, divididos em 4 módulos. Possui reconhecimento e é oferecido pelo Campus Machado, desde 2003, ou seja, há mais de 17 anos. O objetivo é formar profissionais cidadãos técnicos de nível médio na área de segurança do trabalho, os termos da legislação vigente, para no âmbito dos setores produtivos e de serviços, desempenhar atividades de prevenção de acidentes do trabalho, inclusas as doenças profissionais e do trabalho, através de ações e programas específicos, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida do trabalhador brasileiro, e propiciando a diminuição do custo social decorrente dos infortúnios laborais, capacitando profissionais para desenvolver ações de prevenção e controle de riscos ambientais em ambientes de trabalho e nas atividades laborais dos setores produtivos da sociedade, visando à redução ou eliminação dos acidentes de trabalho e doenças ocupacionais, conforme os pressupostos legais da legislação trabalhista, prevenção e promoção de segurança, atuando de forma decisiva no campo da preservação da integridade física do trabalhador, da segurança no local de trabalho, no controle de riscos profissionais e na melhoria das condições de trabalho para aumento de eficiência e produtividade da empresa onde trabalhar.

O curso é regulamentado pelo  Ministério da Educação (MEC) e o registro do aluno apto a se tornar um técnico em segurança do trabalho é regulado pelo antigo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), atualmente conhecido como Secretaria do Trabalho, vinculado ao Ministério da Economia. Uma segunda opção, não dispensado da primeira, ou seja, o registro na Secretaria do Trabalho, seria os conselhos estaduais de engenharia, como o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA), porém este último é opcional.

 

Técnico em Segurança do Trabalho Subsequente
Duração 2 anos / 4 semestres
Turno Noturno
Quantidade de Vagas 50
Modalidade Subsequente
registrado em:
Fim do conteúdo da página