Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > Eventos em 2020
Início do conteúdo da página

Eventos em 2020

Criado: Terça, 22 de Dezembro de 2020, 16h55 | Publicado: Quarta, 23 de Dezembro de 2020, 09h39 | Última atualização em Quarta, 23 de Dezembro de 2020, 11h32

Mais de 60 eventos na modalidade on-line foram promovidos pelo Campus Machado

Posts EventosAo longo de 2020, uma das grandes realizações do campus foram eventos voltados a alunos e à comunidade externa. Foram organizados 73 eventos, 64 deles on-line e que chegaram a quase 30 mil pessoas. Uma das vantagens da modalidade on-line é ampliar o alcance de público e facilitar o convite a palestrantes que muitas vezes não conseguiam  participar de um evento presencial. 

Na avaliação da coordenadora de Extensão do campus, a administradora Michelle Marques, o ano foi um ano de muitos desafios. "A pandemia nos obrigou a repensar nossa forma de atuação. Em relação aos eventos, a solução adotada foi a realização de forma on-line, que tiveram um grande êxito em termos de qualidade e participação. 

Já no início de 2020, antes da paralisação das atividades presenciais, alguns eventos chegaram a acontecer in loco, como uma formatura e uma certificação técnica que ocorreram no Anfiteatro do campus. Mas logo após estas duas cerimônias, o ensino presencial foi suspenso. Com o tempo, os eventos foram retomados já em formato on-line, como foi o caso do I Encontro Internacional On-line de Zootecnia que ocorreu no primeiro semestre. Também foi realizado o I Ciclo de Palestras: Atualidades na área de Alimentos em julho deste ano. Estas duas ações trouxeram como diferenciais a abrangência. O primeiro trouxe palestrantes do exterior e o segundo alcançou também estudantes de outros estados.

Capturar5Após estas ações pioneiras que reforçaram os diferenciais do formato on-line, vários eventos dos diversos cursos foram promovidos com o apoio do setor de Extensão do campus, seja por meio de ferramentas como o Google Meet ou pelo canal do campus no Youtube. E muitas das tradicionais semanas foram abertas e disponibilizadas ao público, como foi o caso da Semana das Ciências Agrárias, cuja organização foi feita pelos alunos do último ano de Agronomia e pela professora Dalila Carvalho Rezende, atual coordenadora do curso. Com uma programação variada e diversas ações, o evento teve também a participação de egressos do curso que contaram um pouco de suas experiências, além de vários palestrantes. Ao todo, as ações somaram quase 2.500 visualizações no Youtube e ainda estão disponíveis no canal do campus.

O 8º Encontro de Agroecologia também ocorreu de forma on-line nos dias 19 e 20 de novembro. Foi tradicionalmente organizado pelos integrantes do Núcleo de Estudos em Agroecologia e Produção Orgânica (NEAPO), do Campus Machado, e teve apoio também da Pró-reitoria de Extensão da Universidade Federal de Alfenas (Unfal/MG), do Núcleo Araucárias Vivas e do Movimento sem Terra (MST). O evento teve como tema central a questão da pandemia frente às possibilidades da produção orgânica. O Grupo de Estudos “Neapo” também organizou o evento “A Semana do Alimento Orgânico e Agroecológico” no dia 23 de novembro, quando debateu a produção, comercialização e consumo. A mesa-redonda foi mediada pela professora Lêda Gonçalves Fernandes.

Sem títuloMais um evento realizado a partir de uma ação social, a campanha “Natal sem Fome” foi o “Fórum Regional de Segurança Alimentar e Nutricional” que aconteceu nos dias 25 e 26 de novembro, também foi transmitido pela plataforma do Campus no Youtube. Com o apoio da Unifal, da Ação da Cidadania, o economista Chico Menezes falou a todos sobre a “Integração e organização das iniciativas civis e do poder público no combate à fome”. Uma mesa-redonda, no segundo dia ,reuniu os professores do IFSULDEMINAS, Vanderlei Almeida e Sérgio Pedini; o professor Estevão Coca, da Unifal e Leticia Bustamante, da ONG Orgânicos Sul de Minas. Mediados pela nutricionista do Campus Machado, Maria Socorro Coelho e com a participação do presidente da Associação Ação da Cidadania, Eduardo Tardiole, o tema debatido foi “Fortalecimento da segurança alimentar, e nutricional e produção de alimentos orgânicos: a importância da agricultura familiar”.

Mesas-redondas sobre docência são parte de um projeto organizado pelas professoras Gisele Loures, Maria Lúcia de Queiroz Guimarães Hernandes e Camila Cabral: “Sextas Temáticas”. Também transmitidos pelo canal do campus no Youtube, os encontros aconteceram durante as sextas-feiras, de outubro a dezembro, e alcançaram 1.581 visualizações. Para a administradora Michele da Silva Marques, coordenadora de Extensão do campus, que acompanhou de perto a construção do projeto, “a atuação docente foi fundamental para que o campus mantivesse suas práticas durante esse novo modelo de ensino”.

Capturar1Vários eventos que integram a III Semana da Consciência Negra podem ser assistidos também pelo Youtube. Com uma programação variada, algumas das ações ocorreram pelo Meet apenas para os alunos do campus. Todas as atividades foram realizadas nos dias 19 e 20 de novembro, a partir da iniciativa do grupo Coletivo da Diversidade e diversos servidores do campus, com apoio de servidores de outras unidades do IFSULDEMINAs. Debates acerca da população negra brasileira e sua importância na construção histórica, social, cultural e econômica do país nortearam as atividades. 

Diversos eventos ocorreram em outras plataformas, como foi o caso do II Seminário de Horticultura. Organizado pelo Grupo de Estudos em Horticultura (Geah), as palestras ocorreram dias 07, 14, 21 e 28 de novembro. As ações orientaram os participantes e mais informações foram disponibilizadas pelo canal do grupo no Instagram.

Post facebook 64Ainda no segundo semestre deste ano, estudantes colaram grau e foram certificados em duas cerimônias on-line realizadas, pela primeira vez, pelo campus. Acompanhadas pela Secretaria escolar por meio de uma videoconferência via Google Meet e Transmitidas pelo canal do campus no Youtube, as solenidades ocorreram nos dias 05 e 10 de novembro. A experiência inédita foi organizada pela comissão de formatura local e propiciou aos familiares acompanharem o evento.

A maioria dos eventos transmitidos pelo canal oficial do Youtube só foi possível graças ao empenho do servidor do Campus Machado, Salomão Tassote, responsável pelo canal do Campus Machado e que muitas vezes atuou em horários diferentes e de casa. De acordo com o assistente em Administração que atua no setor de Extensão, “foi feita uma capacitação com o Campus Inconfidentes para aprender a operar as plataformas necessárias à transmissão”. A coordenadora de Extensão explica que, "foi necessário um grande aprendizado por parte dos coordenadores dos eventos e também do setor, que teve que aprender a utilizar diversas ferramentas novas, além disso pudemos melhorar o acesso e inscrições no canal do campus no youtube".

Texto: Assessoria de Comunicação do Campus Machado

Fotos: Divugação e Ascom/ Campus Machado

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página