Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > Inaugurações

Início do conteúdo da página

Inaugurações

Publicado: Sexta, 14 de Dezembro de 2018, 14h50 | Última atualização em Segunda, 17 de Dezembro de 2018, 07h42

Campus Machado inaugura auditório com capacidade para 400 pessoas

Área de Vivência, reformas e ampliações também foram entregues à comunidade

Banda marcial se apresentandoA tarde desta quinta-feira, 13 de dezembro, foi de festa e comemoração para o Campus Machado. Alunos, servidores, ex-servidores, autoridades, empresários e comunidade prestigiaram a solenidade de inauguração do novo Auditório, Área de Vivência, obras e reformas realizadas na unidade. Quem compareceu à cerimônia compreendeu, já pelas apresentações da tarde, a importância do espaço não só para o campus, mas também para o munícipio.

A abertura do evento surpreendeu. Ao abrir as cortinas automáticas, os convidados vibraram com o sincronismo e animação da apresentação da Banda da Escola de Sargento das Armas (ESA) da cidade de Três Corações. Regida pelo mestre de música e subtenente, Reginaldo dos Santos Gonzaga, a banda executou o Hino Nacional e entoou diversas canções em um repertório amplo e variado, que foi do clássico ao popular, arrancando aplausos entusiasmados da plateia.

Para compor a mesa de honra da solenidade, foram convidados o reitor do IFSULDEMINAS, professor Marcelo Bregagnoli; o diretor-geral do Campus Machado, professor Carlos Henrique Reinato; o prefeito de Machado, professor Julbert Ferri de Morais; e o vereador e representante da presidência da Câmara, Ilton Lino Filho. Diversas autoridades locais e regionais estiveram presentes na cerimônia, além de diretores-gerais de outras unidades do IFSULDEMINAS, pró-reitores, diretores e coordenadores do campus.

O reitor e o diretor-geral da unidade descerraram a placa de inauguração do local. O momento marcou, simbolicamente, a inauguração da Área de Vivência e a entrega de reformas e ampliações do Laboratório de Solos, da Gerência de Tecnologia, do setor de Transporte e do Centro Ecumênico.

Uníssono

Diretor do Campus Machado lendo o seu discursoDurante os discursos, foi ressaltado o papel do Instituto como agente transformador da realidade, além de reconhecida a importância da educação profissional para o desenvolvimento. Carlos Henrique deu as boas-vindas, agradeceu a todos pela presença e a sua rede de apoio. Ele também enfatizou a responsabilidade da instituição como formadora de uma sociedade mais justa e crítica. “Cada jovem aqui formado leva para casa, cidade e região o conhecimento técnico e a responsabilidade de promover transformações na sociedade. Muitos talvez sejam os primeiros da família a conquistar o diploma de um curso técnico ou superior, por mais que esse trabalho seja significativo ainda é muito pouco, pois desejamos uma sociedade mais justa e igualitária e só por meio da educação vamos conseguir”.

Ao discursar, o prefeito de Machado falou do seu envolvimento com a educação e com o campus. Professor da Rede Estadual há 15 anos, Julbert também é ex-aluno da antiga Escola Agrotécnica Federal de Machado. “A educação faz a diferença e o Instituto Federal do Sul de Minas é fundamental para o desenvolvimento de Machado. Estamos tentando, de todas as formas, promover uma geração de empregos e, sem sombra de dúvidas, sem os cursos técnicos e as graduações não conseguiremos ter sucesso”, comentou.

O reitor do IFSULDEMINAS fechou os pronunciamentos da noite, enfatizando a importância das parcerias. “Carlos, em seu discurso, mencionou a palavra “parceria” pelo menos cinco vezes. É isso o que somos, parceiros, independente de quem seja, se é para o bem comum, nós seremos parceiros”. Para ele, a instituição é um instrumento de desenvolvimento do país, uma alavanca tecnológica, didática e pedagógica. “Não importa quem seja, se bater nas nossas portas com boas propostas, estaremos dispostos, pois é essa nossa função, levar a educação aqueles que estiveram historicamente excluídos do processo educacional”, disse.

Encerramento

Para fechar os trabalhos da tarde, a Banda Intonare subiu ao palco. Constituída pelos músicos Antonio Marcos, Everton Souza, Gualter,  Andreia, Elisângela e Sabrina Teodoro, acadêmica do curso de Agronomia do campus, apresentaram as canções “Photograph”, “Pelos prados e campinas”, “Haleluiah” e “Trem Bala”. Após a cerimônia, foi servido um coquetel na parte superior do auditório.

Visão geral da cerimônia de inauguraçãoInfraestrutura

O novo Auditório possui infraestrutura moderna e capacidade para 400 lugares, permitindo ao campus oferecer maior comodidade aos convidados. Seus 1.472 metros quadrados contam com ar condicionado, camarins com banheiro, sala de som, sala administrativa, lanchonete, bilheteria, depósito, recepção, sanitários, palco com cortinas automáticas, iluminação, que servirá a toda a comunidade acadêmica.  Em sua construção foram investidos, com recursos próprios, cerca de dois milhões de reais.

A ampla Área de Vivência conta com 9 mil metros quadrados que proverão 110 vagas para carros e motos. Um dos diferenciais da construção foi a preocupação com a sustentabilidade, um sistema de captação de águas pluviais permitirá o armazenamento 40 mil litros para reuso. No local, foram investidos aproximadamente trezentos e noventa mil reais.

A Gerência de Tecnologia da Informação e Comunicação, a antiga sala de reuniões e do Departamento de Humanas e o centro ecumênico também foram reformadas. No setor 3, o Laboratório de Solos foi ampliado. O setor de transportes também aumentou sua área de atendimento ao usuário, com melhorias na estrutura para os motoristas.

Área verde

Foram plantadas mais de 1.050 mudas de árvores nativas, em áreas de proteção ambiental permanente. São espécies como: Cedro, Angico, Ingá, Oiti, Pau Ferro, Ipê amarelo, Alecrim de campinas, Palmeira Jussara, Palmeira, Gerivá, Jatobá,  Óleo de Copaíba, Arataí, Jequitibá, Paineira e Guanandi.

 

Texto: Érika Vilela

Fotos: Diêgo Souza

 

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página